Powered By google

CRIANÇAS, PARTICIPEM DO MINISTÉRIO INFANTIL ESCOLINHA DE JESUS !

Toda quinta-feira, às 19:30 hs,
na cripta da Igreja Matriz São Miguel Arcanjo,
e venham descobrir quem é este grande amigo que nos ama.

Os adultos ficarão, no mesmo horário, no Grupo de Oração.

Traga
sua família!



QUEM QUISER ENTRAR NO REINO DOS CÉUS, QUE SEJA PURO COMO UMA CRIANÇA.

"NO SEU LUGAR, O QUE JESUS FARIA?"

"NO SEU LUGAR, O QUE JESUS FARIA?"
PARA SABER A RESPOSTA EU PRECISO: REZAR, LER E ESTUDAR A BÍBLIA.

Foi um pedido de Nossa Senhora:

Foi um pedido de Nossa Senhora:
Pede pra Mãe que o Filho atende! Quem persevera na veneração à Maria persevera na adoração a Deus, Nosso Senhor!

15 de fevereiro de 2009

DÚVIDAS SOBRE ESPIRITISMO E MAÇONARIA

artigo publicado por Pe. RÔMULO CÂNDIDO, C. SS. R., na REVISTA DE APARECIDA AGOS/2005, pág. 9.

ESPIRITISMO E MAÇONARIA

Para esclarecer as dúvidas relativas à Maçonaria, apresentamos aqui um DOCUMENTO OFICIAL DA IGREJA, com data de 26 de Novembro de 1983. A Congregação para a Doutrina da Fé publicou o seguinte parecer: "Foi-nos perguntado se mudou a posição da Igreja a respeito da Maçonaria, porque o novo Código de Direito Canônico não faz menção dela, como no Código anterior.
Esta Sagrada Congregação responde que tal circunstância é devida a um critério redacional. Outras associações também não são mencionadas porque já estão compreendidas em categorias mais amplas.
Permanece, portanto, imutável o PARECER NEGATIVO DA IGRJA a respeito de associações maçônicas, porque os seus princípios foram sempre considerados inconciliáveis com a doutrina da Igreja, e por isso continua proibida a inscrição nelas. Os fiéis que pertencem às associações maçônicas, estão em estado de pecado grave, e não podem aproxima-se da Sagrada Comunhão.
Não compete às autoridades eclesiàsticas locais pronunciar-se sobre a natureza das associações maçônicas com um juízo que implique derrogação de quanto foi acima estabelecido, segundo a mente da Declaração desta Sagrada Congregação, no dia 17 de Fevereiro de 1981." (AAS 73, 1981, pág.240 ss.)
A Maçonaria nega todo dogma e verdade religiosa. Diz que a verdade divina é inatingível. Não admite nenhuma revelação de Deus. Rejeita o magistério da Igreja.
Muitos maçons, pessoalmente são religiosos. Não têm esses sentimentos anticlericais, anticristãos. Podem ser elementos de boa vontade, atraídos pela fachada de filantropia, camaradagem e solidariedade. Mas com sua adesão a Maçonaria estão lhe dando prestígio, ignorando seus segredos, conhecidos somente pelos membros mais graduados, segredos escondidos dos membros inferiores.
Passemos às doferenças entre Cristianismo e Espiritismo:
O Espiritismo nega verdades fundamentais da Igreja Católica como: Milagre, inspiração divina da Escritura, infalibilidade do Papa, magistério da Igreja, instituição divina da Igreja por Jesus Cristo, Mistério da Santíssima Trindade, um Deus pessoal e distinto do mundo.
Nega ainda a crianção do mundo a partir do nada, existência dos anjos, existência dos demônios, a divindade de Jesus Cristo, os milagres de Jesus, a Maternidade divina e Imaculada Coneição de Nossa Senhora, a Redenção realizada por Cristo, o pecado original, a graça divina, a possibilidade do perdão dos pecados e o valor dos Sacramentos.
A doutrina espírita nega também o Batismo, a Eucaristia, a confissão, o matrimônio indissolúvel, o juízo particular depois da morte, o Purgatório, o Paraíso, o Inferno, a ressurreição da carne e o juizo final.
Os Espíritas ensinam a Reencarnação, isto é, as pessoas morrem e voltam para a terra em sucessivas vidas e nascimentos. esse ensinamento contraria, frontalmente, a doutrina cristã da Ressurreição.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget